Jair Renan vira réu por lavagem de dinheiro e falsidade ideológica

Redação por Redação
1 Leitura mínima

A Justiça do Distrito Federal aceitou denúncia e tornou réu Jair Renan Bolsonaro, filho do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), pelos crimes de lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e uso de documento falso.

A decisão da 5ª Vara Criminal de Brasília é de segunda-feira (25) e foi tomada após denúncia apresentada pelo Ministério Público do Distrito Federal e dos Territórios (MPDFT) contra Jair Renan e outros acusados. A denúncia criminal do caso está sob sigilo.

Segundo as investigações, Jair Renan forjou resultados financeiros de sua empresa Bolsonaro Jr. Eventos e Mídia para obter empréstimo no Santander (SANB11), que não foi pago. O banco processou o filho de Bolsonaro, para cobrar a dívida, e obteve uma decisão favorável, para o pagamento de R$ 360 mil.

Jaqueta XP NFL

Garanta em 3 passos a sua jaqueta e vista a emoção do futebol americano

Em fevereiro, a Polícia Civil do DF apresentou o relatório final da sua investigação, indiciando Jair Renan e seu instrutor de tiro, Maciel Alves — que também foi denunciado.

Procurada, a defesa do filho de Bolsonaro disse que não vai se manifestar sobre a decisão.

Fonte: Externa

ofertas amazon promoção
Clique acima para adicionar um desconto excluivo na Amazon! Aproveite as ofertas de hoje.